VERDADES SOBRE pão

por Ramiro Murillo

#1: Pão de verdade não engorda

Você adora um pãozinho com manteiga no café da manhã?

Mas toda vez que você come, ou quase sempre, se arrepende depois pela sensação de inchaço na barriga ou sente que está engordando?

Ou ainda ouviu dizer que glúten faz mal e pensou em cortar os pães da sua dieta?

Na verdade, o que você tem que cortar da sua mesa é o pão ruim. E, infelizmente, mais de 90% das padarias e mercados do Brasil oferecem um pão que nem deveria ser chamado de pão. E vou te explicar o motivo.

Um pão francês de padaria convencional não é feito somente com farinha de trigo, mas com pré-mistura para pão: um combinado de farinha industrial de má qualidade produzida com agrotóxicos, melhoradores de farinha (porque a farinha em geral é ruim), fermento biológico e uma diversa quantidade de aditivos químicos.

Além disso, o pão, por motivos econômicos, é feito de maneira muito rápida, em torno de uma a três horas.

Neste tempo ele nem fermenta, pois quem faz o pão crescer é a alta quantidade de fermento industrial. E, mal o glúten se forma, ele é mal assado - por isso o miolo é sem graça - e entregue a você como um pão fresquinho.

Este tipo de pão é uma maçaroca de glúten e aditivos que serão ingeridos e começam a fermentar dentro da sua barriga.   

E a culpa é do trigo?

Claro que não. Isso é resultado da forma como as padarias e fábricas fazem o pão, ou seja, consequência da indústria da panificação.

Veja, por exemplo, os ingredientes de uma pré-mistura para pão francês usada por uma padaria típica no Brasil:

 

Farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico, sal, açúcar, estabilizantes: ésteres de ácido diacetil tartárico e mono e diglicerídeos de ácidos graxos e estearoil-2-lactil lactato de cálcio e polissorbato 80 e melhoradores de farinha: ácido ascórbico e azodicarbonamida.

 

Então, sim: um pãozinho francês fresquinho da padoca da esquina pode inchar sua barriga.

 

Mas o que você precisa é ir atrás de um pão de verdade.

Uma última coisa para você pensar: com o que você acompanha seu pão? É realmente um acompanhamento saudável? Há muitas opções saudáveis e gostosas para acompanhar seu pão: um fio de azeite, gersal, tomate com pimenta do reino, abacate, ovo poché, coalhada seca.... Alguma dessas deu vontade?

Pão orgânico de alecrim com gergelim